Preparando a Próxima Geração de Músicos

Preparando a Próxima Geração de Músicos

De onde vem a próxima geração de músicos na igreja? Uma opção é esperar e orar para que jovens músicos sejam treinados no mundo, sejam salvos e usem seus dons na igreja. Isso certamente acontece com suficiente freqüência.

Uma opção mais fiel é descobrir o que podemos fazer para influenciar, inspirar e treinar os jovens em nossa igreja para desenvolver e usar seus dons para servir a igreja para a glória de Deus. Não importa se estamos em uma igreja de 50, 500 ou 5000, podemos começar a pensar sobre como podemos transmitir o que aprendemos.

Eu tenho falado sobre isso há anos na Covenant Life, e oferecemos vários seminários e workshops para ajudar a treinar futuros membros da banda. Mas, nos últimos anos, as pessoas certas vieram às posições certas para fazer algo acontecer numa base mais sistemática, especialmente para instrumentos mais “tradicionais”. Ken Boer, que supervisiona a música e culto na Covenant Life, é casado com Rachael Boer, que obteve seu diploma em violino na Julliard. Juntamente com alguns outros músicos comprometidos (como Ben & Nancy Chouinard e Shelley Reinhart), eles têm investido na próxima geração, através da instrução privada e conjuntos maiores. Dois concertos, um na primavera e um em dezembro, servem como pontos focais para o que eles estão ensinando.

Este domingo passado, experimentamos o fruto de seus trabalhos mais diretamente como cerca de 45 músicos de cordas se juntaram a banda na liderança do louvor congregacional. Nós cantamos duas canções com um grupo mais velho de músicos de corda, e então membros principiantes e intermediários do conjunto de cordas juntaram-se a nós.

Como eles chegaram, eu queria destacar que isso foi mais do que uma exibição de habilidade musical e crianças bonitinhas. Então eu disse algo para este efeito:

Quando nos reunimos nas manhãs de domingo, podemos facilmente esquecer que estamos nos ombros de santos no passado que adoraram a Deus com cânticos por milhares de anos. Somos os beneficiários de músicos que treinaram as gerações futuras a usar seus dons musicais para servir o povo de Deus. Provavelmente um dos melhores exemplos que temos é Asafe. Davi nomeou-o como um líder de adoração no templo, e ele teve um legado musical que durou literalmente centenas de anos. Ele escreveu estas palavras em Sl 78.1-4:

Dá ouvidos, ó povo meu, aos meus ensinamentos; Inclina os teus ouvidos às palavras da minha boca! Abrirei a minha boca numa parábola; Eu proferirei palavras obscuras de antigamente, coisas que ouvimos e sabemos, que nossos pais nos disseram. Não os esconderemos dos seus filhos, mas diremos à geração vindoura os feitos gloriosos do Senhor e o seu poder, e as maravilhas que ele fez.

Meu povo, escutai meu ensino, inclinai os ouvidos às palavras da minha boca. Abrirei minha boca em parábolas; proporei enigmas da antiguidade, o que temos ouvido e aprendido, e nossos pais nos têm contado. Não os encobriremos aos seus filhos, contaremos às gerações vindouras sobre os louvores do SENHOR, seu poder e as maravilhas que tem feito.

Como igreja, reconhecemos a responsabilidade e o privilégio de contar aos nossos filhos as gloriosas obras do Senhor. Estamos comprometidos em treinar músicos de todos os tipos – vocalistas, guitarristas, tecladistas, baixistas, bateristas e sim – músicos de cordas – para proclamar as maravilhas que Deus fez e usar a música como uma forma de expressá-las. Estes músicos de cordas, com apenas seis anos de idade, estão sendo ensinados a estudar música para não trazer glória a si mesmos, mas a Jesus Cristo. Enquanto nos acompanham, que nossos corações sejam movidos não só pelo som bonito, mas pela beleza do Deus que enviou seu Filho único para morrer em nosso lugar, mostrando-nos a graça que é realmente incrível.

Nesse ponto, o grupo mais jovem tocou um verso de Amazing Grace enquanto escutamos. Então cantamos o hino (seis versos dele), e terminamos com “The Gospel Song” (A Canção do Evangelho).

Nós ainda temos um longo caminho a percorrer quando se trata de passar fielmente para a próxima geração uma maneira de exaltar Cristo fazendo música, mas este domingo passado mostra que nós demos alguns passos nessa direção. E agradeço a Deus por sua fidelidade.

Eu estou interessado em saber que passos práticos você está tomando, planeja tomar ou já tomou, para transmitir um desejo de perseguir habilidade musical para a glória de Deus para a próxima geração.

Por: Bob Kauflin. Copyright © 2008 Worship Matters. Original: Preparing the Next Generation of Musicians

Comentários

comentários