Lições que os ministros de louvor jovens devem aprender

Lições que os ministros de louvor jovens devem aprender
"Deus é glorioso e há muito a ser feito para que desperdicemos tempo com nossos egos. Vamos amar e liderar de todo o coração. E quanto a você? Como você está treinando seus jovens líderes de louvor?"

Me lembro do dia como se fosse ontem. Meu coração acelerado, lágrimas fluindo e minha vida sendo transformada. Foi o dia em que experimentei a presença de Deus pela primeira vez. Claro que já estivera na igreja muitas vezes. Mas desta vez foi diferente, senti o amor de Deus me varrer como nunca antes. Eu pude sentir Sua presença e tive um vislumbre de Sua glória.

Eu não sou do tipo de pessoa que se abala emocionalmente. Sou muito mais analítico. Mas o que vivi foi diferente, um chamado de Deus, um despertar da morte para a vida. Quando penso naquele momento, me lembro que esses momentos estão acontecendo o tempo todo. Cada música que escolhemos, a cada palavra que falamos, em cada culto que lideramos, destinos podem ser alterados.

Esse é um tipo de coisa que eu gostaria que me contassem quando comecei a liderar a adoração.  Por essa razão, resolvi escrever este artigo. Se você quiser, compartilhe isso com os líderes de louvor jovens com quem você está trabalhando.

Nove lições para um Jovem Ministro de Louvor.

1. Você não precisa fazer com que nada aconteça – A adoração poderosa não depende de sua habilidade e nem do seu carisma como líder. O Espírito Santo está movendo. Jesus é glorioso. Tudo o que você precisa fazer é ressaltar isso e sair de cena.

2. Liderar adoração é a respeito de adoração e liderança – Você precisa ser um adorador, mas isso não é o suficiente. A plataforma não é um lugar para o seu culto individual, você precisa liderar pessoas e ser um facilitador para que outros se encontrem com Deus.

3. Sirva à sua igreja e não o seu ego – Você faz parte de uma igreja local. Não é um lugar para divulgar a si próprio ou fazer o que você quer. Você está ali para servir a visão que Deus deu à  liderança pastoral e apaixonadamente,  ser parte dela.

4. Escolha músicas que sejam boas para o seu povo – não escolha apenas músicas baseadas no seu gosto ou as que são populares. Escolha músicas com base na mensagem e na fé que elas constroem nas pessoas. Pense pastoralmente. O que o seu povo precisa dizer e cantar?

5. As músicas são apenas ferramentas e não um fim em si mesmas – O propósito do seu “tempo de adoração”, não é simplesmente cantar músicas. Em vez disso, libere algo do seu coração, vá além. Use músicas como veículos para ajudar você a levar as pessoas a declarar as promessas de Deus.

6. Aprenda como se comunicar – Cantar não é o suficiente. Grandes ministros de louvor constroem confiança com as pessoas que lideram. E isso acontece sabendo como se comunicar de maneira que ajude as pessoas a relaxar e atraia a atenção delas para você.

7. Não pense nisso como uma carreira – Pensar em ministrar adoração como uma carreira ou profissão, nos conduz a todos os tipos de problemas. Pense mais em termos do seu chamado e da sua paixão em servir a igreja local. Não estou dizendo que você não possa receber algo pelo que faz. Só não se  aproxime da plataforma de sua igreja como forma de subir a escada do ministério coorporativo.  Lidere porque você ama a Deus e tem um coração para o seu povo.

8. Seja um pastor – Não, você não precisa ter credenciais. Mas você pode abordar o seu papel pastoralmente. Ame pessoas. Cuide delas. Lidere com compaixão. Então, todas as outras coisas – composições, gravar álbuns, eventos – realmente farão sentido.

9. Não negligencie a palavra de Deus – É fácil negligenciar a Bíblia para novas músicas de adoração, livros de liderança e “inspiração criativa”. Resista ao impulso.  A Palavra nunca é um livro do qual você se gradua. Você nunca aprende o suficiente. Você nunca chega. Deixe-o entrar em seu espírito e influenciar tudo o que você faz e diz.

Deus é glorioso e há muito a ser feito para que desperdicemos tempo com nossos egos. Vamos amar e liderar de todo o coração.

E quanto a você? Como você está treinando seus jovens líderes de louvor?

Autor: David Santistevan

Fonte: Churchleaders

Tradução: Christie Tristão

 

Comentários

comentários