O cristão pode comemorar o natal?

O cristão pode comemorar o Natal
"O cristão pode comemorar o natal? Porém, porque não ressignificar tudo isso e centralizar Cristo."

Esses dias em uma reunião de Feedback com os funcionários da empresa onde eu trabalho, alguém me fez a seguinte pergunta: não enfeitamos o escritório para o natal porque a empresa é cristã? Foi interessante esta pergunta e obviamente respondi que não tínhamos problema algum em enfeitar, porém não tínhamos este hábito.  Essa situação gerou uma indagação interior em mim. A partir disso, decidi escrever sobre este tema, com o objetivo de nos levar a refletir sobre o mesmo : O cristão pode comemorar o natal? Desta forma, te convido a se debruçar neste texto comigo e juntos buscarmos resposta para esta questão.

Há quem diga que o natal é uma festa pagã e que Jesus não nasceu no dia 25 de dezembro. De fato Jesus não nasceu nesta data e a festa que chamamos de natal teve seu início antes mesmo do nascimento de Jesus. Provavelmente daí surge a pergunta: O cristão pode comemorar o natal?  Porém, porque não ressignificar tudo isso e centralizar Cristo num momento em que as famílias se reúnem e diga-se de passagem, normalmente é nesta data que todos conseguem se reunir nem que seja uma vez por ano. 

Embora o início de tudo não tivesse a ver com o nascimento de Jesus, porque não aproveitar este momento para celebrar e glorificar o nome do Senhor em família pelo nascimento do Emanuel?  Às vezes somos muito religiosos e nos abstemos de algumas coisas e festejos porque não queremos nos misturar com festas pagãs. A questão não é COMO e sim PORQUE. Muitos de nós não comemoramos o nascimento de Jesus nem no dia 25 e nem em dia nenhum. Para nós cristãos, esse deveria ser um motivo de festa pra sempre, pois o nosso Pai enviou o seu único filho para nos salvar. Cristo é o grande presente do natal!

“Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna.”  João 3:16

Conheço cristãos que não participam da festa em família, porque se apegam aos significados de todos os ornamentos e não querem se misturar nesse dia. Refletindo sobre o porquê de tudo, a comunhão em família, a oportunidade de elevar o nome de Cristo,  é muito maior do que ficar apegado ao significado pagão de tudo. A questão principal é o foco. Quero deixar claro aqui , que o meu objetivo não é julgar ninguém e nem criar uma doutrina a respeito da festa do natal, mas nos levar a refletir sobre o porque comemoramos o nascimento de Jesus.

Criei meus filhos como pouca festa no natal e na minha casa não tinha enfeites, nem uma ênfase no momento da ceia.  Hoje depois de tantos anos, penso que eu poderia ter feito diferente. Posso ornar a casa , preparar uma linda ceia, criar uma atmosfera de enaltecimento e celebração à Deus  que promova a comunhão em família e obviamente comunica Cristo a todos e o eleva em honra também. 

Há dois anos tenho me esforçado para criar o hábito  de comemorar esta festa de forma diferente, pois, o porque de tudo isso ficou mais claro pra mim . Meus filhos já cresceram, mas sei que posso fazer diferente com os netinhos e com toda a minha família. Quero sempre ao preparar a casa, a festa, me lembrar de que tudo isso acontece por causa de “um”, o Messias, Emanuel!  Quero passar de geração em geração a alegria imensurável e a gratidão de ter conhecido a Jesus e através Dele ter sido acrescentada à família de Deus.

Espero que esse texto possa te levar a refletir sobre o motivo principal de comemorar ou não o natal. COMO você vai fazer isso não importa, mas o  PORQUE sim. Talvez você não se sinta à vontade de ornamentar sua casa com árvore, bonequinhos de neve e luzes, mas de qualquer maneira, deixo aqui meu incentivo para você se unir à sua família e amigos e  fazer uma grande festa para o único digno de honra e glória. CRISTO!

Concluo este texto com o seguinte pensamento: Cristão pode e deve comemorar o natal, no dia 25 de dezembro e em todos os dias por toda a eternidade!!! Desejo a todos um feliz natal e um tempo sobrenatural em família!!!!!!

Christie Tristão.

Comentários

comentários